Histórias infantis

Conto de fadas. Elefante Bernardo


A história do 'Elefante Bernardo' explica às crianças porque o valor do respeito é tão importante. A história gira em torno de um pequeno elefante muito travesso que passou o dia rindo e zombando dos outros animais da floresta. Mas um dia ele recebe uma grande lição e de repente entende porque deve respeitar os outros e tratá-los bem.

História infantil fantástica que transmite valores, neste caso, analisa o valor do respeito para que os mais pequenos também percebam a importância de tratar bem os outros. Não pare de ler com seu filho.

Era uma vez um elefante chamado Bernardo que ele nunca pensou nos outros. Um dia, enquanto Bernardo brincava com os colegas, pegou uma pedra e jogou nos colegas.

A pedra atingiu o burro Cândido na orelha, de onde saiu muito sangue. Quando os professores viram o que tinha acontecido, eles imediatamente começaram a ajudar Candido.

Eles colocaram um grande curativo em sua orelha para curá-lo. Enquanto Cándido chorava, Bernardo zombava, escondendo-se dos professores.

No dia seguinte, Bernardo estava jogando em campo quando, de repente, ficou com muita sede. Ele caminhou até o rio para beber água. Quando ele chegou ao rio, ele viu um veado brincando na margem do rio.

Sem pensar duas vezes, Bernardo tirou muita água com a tromba e jogou no veado. Gilberto, o menor cervo, perdeu o equilíbrio e acabou caindo no rio, sem poder nadar.

Felizmente, Felipe, um cervo maior e bom nadador, pulou imediatamente no rio e ajudou Gilberto a sair do rio. Felizmente, nada aconteceu com Gilberto, mas ele estava com muito frio porque a água estava fria, e ele acabou pegando um resfriado. Enquanto tudo isso acontecia, a única coisa que o elefante Bernardo fez foi rir deles.

Num sábado de manhã, enquanto Bernardo passeava no campo e comia erva, passou muito perto de uma planta que tinha muitos espinhos. Sem perceber o perigo, Bernardo acabou se ferindo nas costas e nas pernas com os espinhos. Ele tentou removê-los, mas suas pernas não conseguiam arrancar os espinhos, o que lhes causava muita dor.

Ele se sentou sob uma árvore e chorou inconsolavelmente, enquanto a dor continuava. Cansado de esperar que a dor passasse, Bernardo resolveu caminhar para pedir ajuda. Enquanto caminhava, ele se deparou com o veado que borrifou com água. Ao vê-los, ele gritou:

- Por favor me ajude a remover esses espinhos isso doeu muito.

E reconhecendo Bernardo, o veado disse-lhe:

- Não vamos te ajudar porque você jogou Gilberto no rio e ele quase se afogou. Além disso, Gilberto está gripado de um resfriado. Você tem que aprender a não se machucar ou zombar dos outros.

O pobre Bernardo, entristecido, baixou a cabeça e continuou na estrada em busca de ajuda. Enquanto caminhava, ele conheceu alguns de seus colegas de escola. Ele pediu ajuda, mas eles também não quiseram ajudá-lo porque estavam zangados com o que Bernardo tinha feito ao burro Cándido.

E mais uma vez Bernardo baixou a cabeça e seguiu o caminho em busca de ajuda. Os espinhos causaram-lhes muita dor. Enquanto tudo isso acontecia, havia um grande macaco subindo nas árvores. Ele veio pulando de árvore em árvore, perseguindo Bernardo e vendo tudo o que acontecia. De repente, o grande e sábio macaco Justino deu um pulo e parou na frente de Bernardo. E lhe disse:

- Veja, grande elefante, você sempre machucou os outros e, como se isso não bastasse, zombou deles. Então agora ninguém quer te ajudar. Mas eu, que já vi de tudo, estou disposto a ajudá-lo se aprender e seguir duas grandes regras de vida.

E Bernardo respondeu, chorando:

- Sim, farei o que você me disser macaco sábio, mas por favor me ajude a remover os espinhos.

E o macaco disse:

- Bem, as regras são estas: o primeiro é que você não vai machucar os outros, e o segundo é que você vai ajudar os outros e outros o ajudarão quando você precisar.

Dadas as regras, o macaco começou a tirar os espinhos e a curar as feridas de Bernardo. E a partir desse dia, o elefante Bernardo seguiu à risca as regras que aprendera.

FIM

Esta história foi enviada por Javier Moreno Tapia (México)

A história de 'O elefante Bernardo' É ideal para falar com as crianças sobre o valor do respeito, um dos valores essenciais que devemos ensinar aos nossos filhos desde cedo, mas também para atividades relacionadas com a ortografia e a gramática. Aqui está uma série de propostas!

1. Questões de compreensão de leitura
Descubra com estas perguntas se seu filho entendeu:

- O que o elefante Bernardo gostava de fazer que incomodava tanto os outros animais?

- O que Bernardo fez que fez chorar o burro Cándido?

- O que o Bernardo fez que fez o gilberto chorar?

- O que aconteceu com Bernardo que o machucou tanto?

- Por que nenhum animal quis ajudá-lo?

- O que o sábio macaco disse ao Bernardo que ele devia fazer em troca de ajudá-lo com os espinhos?

- Que lição aprendeu o elefante Bernardo?

2. Forme grupos de palavras
Outros exercícios que você pode fazer com as crianças é agrupar palavras por campo semântico, por exemplo, escrever em um papel todos os animais que aparecem na história. Você se atreve? Os mais novos não vão entender o conceito de campo semântico, mas este jogo vai se divertir, enquanto os mais velhos vão praticar para o próximo teste de idioma.

3. Os sotaques
Quem já está estudando sotaque pode fazer a seguinte atividade. Indique as palavras com acentos no texto e diga pelo menos uma palavra aguda, outra bemol e outra esdrújula.

4. Sinônimo e / ou antônimos
E por último, algo que seja muito divertido para os mais pequenos: procurar antônimos de palavras. Aqui lançamos algumas sugestões: grande, chore, pule, frio ou sábio. Se, por outro lado, o que seu filho tem que praticar são sinônimos, aqui você tem outra alternativa: andar, comer, provocar ou cair.

Contar histórias para as crianças traz muitos benefícios, pois nos permite passar momentos mágicos com elas, ajuda-as a desenvolver sua imaginação, estimula a aquisição de novas palavras e desenvolve sua atenção. Mas também, algo que os pais valorizam muito, é um excelente transmissor de valores.

No caso da história de 'O Elefante Bernardo', as crianças devem ter aprendido que ser egoísta e zombar dos outros não é uma coisa boa e que seu comportamento pode ter consequências graves e prejudiciais para elas. Aqui, mostramos outras histórias com as quais seus filhos aprenderão outros princípios.

- Laura muda de cidade
O título nos dá uma pista de como essa história pode se desenrolar, certo? Laura precisa se mudar para a escola porque seu pai foi designado para trabalhar em outra cidade. Ela fica triste porque coincide com a festa de aniversário dela e acha que ninguém vai até ela, mas ... Descubra como acaba ...!

- Os coelhinhos que não sabiam respeitar
Nessa transmissão de valores, além de utilizar essa ferramenta educacional, é importante que os pais dêem o exemplo, pois assim será mais fácil a assimilação de determinados conceitos. Ainda assim, histórias como 'Os coelhos que eles não sabiam respeitar' podem ser muito úteis.

- O pássaro preguiçoso
Você já ouviu falar de 'contra-valores'? São aqueles comportamentos que crianças e adultos devem evitar. Um deles é a preguiça, e nossa missão é incutir nas crianças o valor do esforço, do trabalho e do aprimoramento, pois todos podem nos ajudar a superar as dificuldades. Era uma vez um pássaro muito preguiçoso ...

- A cabeça colorida
O egoísmo é uma atitude que se manifesta nas crianças desde tenra idade, por isso, desde o primeiro momento você deve ensiná-los que é importante compartilhar suas coisas com os outros. É um sentimento que nos acompanha ao longo da vida, mas que podemos trabalhar e, acima de tudo, controlar. A melhor maneira de falar com as crianças sobre egoísmo é mostrar a elas, por meio dessa história, que esse comportamento só prejudica a si mesmas.

Você pode ler mais artigos semelhantes a Conto de fadas. Elefante Bernardo, na categoria Contos infantis no site.


Vídeo: Chapeuzinho Vermelho - Historia completa em Português com Os Amiguinhos (Julho 2021).