Valores

Como repreender crianças de maneira construtiva

Como repreender crianças de maneira construtiva


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Às vezes, devemos repreender nossos filhos, repreendê-los por seu comportamento, por algo que fizeram ou não fizeram. Embora a repreensão geralmente não seja a melhor maneira de uma criança aprender, se soubermos como fazê-lo de forma construtiva, repreensões ou repreensões verbais podem ser usadas de vez em quando.

Neste artigo damos-lhe as chaves para repreender as crianças de forma construtiva, ou seja, para que tenham valor educativo e não acabem sendo apenas mais uma forma ineficaz de castigo que prejudica a autoestima daqueles que mais amamos.

Repreensões verbais devem ser usadas em ocasiões específicas, como, por exemplo, quando a criança realizou algum tipo de ação na qual ela ou outras pessoas foram colocadas em perigo ou pulou repetidamente regras e limites.

Educar nossos filhos é um processo longo que requer tempo, muita paciência e várias técnicas disponíveis, inclusive algumas corretivas como repreensões verbais. Sabemos que é necessário promover a disciplina nesse processo, mas devemos saber aplicá-la de forma construtiva, evitando que a criança obedece apenas por medo de ser punida ou repreendida. Disciplina significa educar promovendo a reflexão e o diálogo, por isso, quando devemos repreender nossos filhos, devemos levar em conta essas 10 chaves para fazê-lo de forma construtiva e eficaz.

1. O objetivo é sempre educar, não para amedrontar ou humilhar, por isso devemos falar sem desqualificar ou constranger a criança.

2. Evite levantar a voz, embora seu tom deva ser contundente e autoritário.

3. Faça isso em particular, nunca em público e menos na frente de amigos.

4. Ofereça alternativas possíveis para o comportamento que estamos repreendendo.

5. Lembre-se que deve ser corretivo e estimular a reflexão, por isso devemos usar uma linguagem adequada à faixa etária da criança.

6. Não deve ser um sermão longo.

7. Deve ser objetivo e não obedecer aos nossos humores negativos, ou seja, devemos repreender o comportamento que queremos corrigir e não dar alta aos nossos filhos com o mau humor ou cansaço acumulados.

8. Para ser usado pontualmente, nunca como único método educativo, pois perde a consciência e a criança se acostuma a ser brigada.

9. Lembre-se de que é sempre melhor e preferível fortalecer comportamentos apropriados do que punir os inadequados.

10. Se quisermos que nossos filhos aprendam a se comportar de maneira adequada, devemos oferecer-lhes bons modelos e exemplos em casa. Não podemos exigir que nossos filhos reajam com calma às adversidades se perdermos o controle todas as vezes que eles fizerem algo de que não gostamos.

As crianças aprendem por imitação e modelagem, elas precisam de regras e limites, mas principalmente de boas referências comportamentais a seguir.

Você pode ler mais artigos semelhantes a Como repreender crianças de maneira construtiva, na categoria de Conduta no local.


Vídeo: Como educar seus filhos sem bater e sem castigo (Novembro 2022).